Reciclagem de concreto e os seus impactos na construção civil

Saiba como argamassas estruturais e grautes podem permitir o preenchimento de vazios de concretagem
19 de fevereiro de 2021
Como a NBR 9050 impacta a acessibilidade para as construções do futuro
6 de abril de 2021

Reciclagem de concreto e os seus impactos na construção civil

A necessidade de as empresas trabalharem para melhorar sua estratégia de proteção ambiental aumenta a cada dia que passa. Não só o aquecimento global, mas também a crise sanitária do coronavírus evidenciam a necessidade de uma consciência ecológica vinda de toda a sociedade. Nesse sentido, a indústria da construção civil, que causa grande impacto no meio ambiente, também precisa se adaptar e procurar novas alternativas para colaborar com a sustentabilidade do planeta. Por isso, a União Fundações vai te apresentar a reciclagem de concreto e os seus benefícios para a construção civil.

Como falamos anteriormente, a indústria da construção civil causa grande impacto no meio ambiente. Atualmente, a estimativa é de que 10% do material que é descarregado nos canteiros de obras é desperdiçado. Isto ocorre porque existe uma grande deficiência nos processos de construção, já que dessa quantidade de resíduos, 90% poderia ser reciclado.

Por isso, a reciclagem de concreto é muito importante. Afinal, o concreto é um dos maiores produtos utilizados em obras. Nesse sentido, ele entra em grande escala não só para a construção, mas como também para a demolição de estruturas, podendo ser aproveitado corretamente.

A reciclagem de concreto, basicamente, consiste em realizar a reutilização de resíduos que vieram de uma construção ou de reforma para substituir parcialmente ou até mesmo totalmente uma nova mistura de concreto. Nesse sentido, e também para inspirar as construtoras e empresas que atuam com construção civil, existem obras Brasileiras, em São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, que foram realizadas com concreto realizado.

Como impactos positivos para o meio ambiente, a reciclagem de concreto proporciona a redução do uso de recursos naturais, além de diminuir a poluição nas grandes cidades, através de uma menor emissão de gases poluentes na atmosfera.

Nesse sentido, a reciclagem de concreto é uma ótima solução para a grande quantidade de resíduos gerados pela construção civil. Temos, por exemplo os Resíduos de Construção Civil e Demolição (RCD), onde certos materiais podem servir como alternativa para a execução das camadas de base. Outra grande vantagem da reciclagem de concreto é que praticamente todos os tipos de concreto podem ser reciclados e também em qualquer estado, fresco ou endurecido. No entanto, não é possível aproveitar um material pigmentado ou com substâncias contaminantes, como o sulfato de cálcio, a madeira e o vidro, que podem comprometer as propriedades da nova massa.

Como funciona a reciclagem de concreto

Para realizar a reciclagem de concreto, existem diversos equipamentos que podem auxiliar nesse processo. Na Alemanha, por exemplo, cientistas desenvolveram uma técnica de fragmentação eletrodinâmica onde raios disferem descargas elétricas para implodir os componentes residuais. Esta é uma saída moderna e pode se tornar tendência para as empresas de construção civil.

Já o método tradicional de reciclagem de concreto consiste em trituração do material com o uso de britadores, que foram desenvolvidos especificamente para este processo. Também existem centrais especializadas em realizar a reciclagem de concreto, o que pode facilitar para as construtoras e empresas que trabalham com construção civil. Deste modo, o material é levado até o local por caminhões para a responsável que executará o trabalho de trituração, peneiramento e classificação. O agregado de concreto reciclado é, então, misturado à areia, à água e ao cimento para fazer o concreto fresco.

O processo padrão de reciclagem de concreto ocorre através de três passos: quebra do material, trituração e reutilização. No primeiro momento, é quebrado o concreto que será utilizado, através de técnicas tradicionais de demolição, incluindo britadeiras, bolas de demolição e explosivos. Como falamos anteriormente, esses pedaços devem estar livres de contaminantes como lixo, madeira, vidro e outros materiais.

Já em um segundo momento, o concreto coletado é triturado para que, desse modo, possa se transformar em uma mistura semelhante a areia, porém mais grossa. Esse processo é realizado com um equipamento com várias facas, para realizar a tritura da melhor maneira possível. E, por último, todo o resíduo resultante deste processo é misturado com o agregado de concreto virgem, areia, água e cimento para fazer concreto fresco. Assim, é possível utilizar o material como camada base para projetos de construção civil, colaborando com o meio ambiente.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *