Projeto Estrutural: Descubra qual a importância dessa etapa

medidas sustentáveis na fundação
Como adotar medidas sustentáveis na fundação de uma obra
15 de janeiro de 2019
hotel pedreira
Obras Incríveis: Conheça o hotel construído em pedreira desativada
13 de fevereiro de 2019

Projeto Estrutural: Descubra qual a importância dessa etapa

projeto estrutural

A elaboração de um projeto estrutural é fundamental para qualquer obra, seja ela de pequeno, médio ou grande porte. Conhecido também como cálculo estrutural, deve ser desenvolvido com referência no projeto arquitetônico, estudos preliminares e investigações realizadas, ou seja, é um conjunto de informações a respeito do dimensionamento de toda estrutura que fará parte da edificação. Nesse sentido, podemos incluir vigas, lajes, estruturas metálicas, pilares, fundação e alvenaria estrutural.

 

projeto estrutural

 

O objetivo principal é que o projeto estrutural seja utilizado como um instrumento para trazer mais segurança na condução da obra, não só evitando o colapso (desmoronamento), como também patologias (trincas, quedas de revestimentos, deslocamentos de pisos, etc.) que podem ocorrer em uma edificação. Além disso, pode garantir mais economia no planejamento do orçamento e na própria resistência e durabilidade do empreendimento. Sua importância se define pela precisão nos cálculos, capaz de evitar custos a mais e desnecessários para a conclusão da obra. Bem como erros de dimensionamento, que podem apresentar diversos problemas.

Mesmo diante dessas constatações ainda existem pessoas que preferem seguir uma construção sem o projeto estrutural ou com um projeto mal elaborado, o que pode acarretar em grandes prejuízos. Para evitar que isso aconteça, você deverá contratar um profissional e ainda garantir que seu projeto leve em consideração as seguintes informações:

  • Projeto Arquitetônico;
  • Levantamento Topográfico;
  • Investigações do Solo;
  • Projetos Complementares, quando possível.

O projeto estrutural deve ser desenvolvido por um engenheiro civil, de preferência com expertise na área. Essa parte da profissão é conhecida como engenharia estrutural, sendo responsável por lidar diretamente com a integridade estrutural e equilíbrio estático da construção. Além de desenvolver o projeto, o engenheiro torna-se responsável pela estrutura que desenvolveu, garantindo por meio de uma anotação de responsabilidade técnica que todo o projeto foi desenvolvido em observância das normas vigentes e de boas práticas da engenharia.

 

Leia também: Como adotar medidas sustentáveis na fundação de uma obra

 

Não há dúvidas de que a elaboração de um projeto estrutural é uma etapa muito importante, mas ela também acarreta em custos a mais para o construtor. Entretanto um bom projeto estrutural merece ser visto como um investimento, pois pode agregar muitos benefícios à obra em questão, como:

  • Garantia de segurança da edificação e para seus usuários;
  • Projeto realizado de acordo com as normas técnicas;
  • Correto posicionamento e dimensionamento das peças estruturais;
  • Racionalização no uso de materiais;
  • Definição do melhor sistema estrutural para a edificação;
  • Ausência de interferências indesejadas com vizinhos;
  • Futuras manutenções facilitadas;
  • Compatibilização com outros projetos da obra;
  • Planilha de materiais para orçamento da obra;
  • Possível previsão de futuras ampliações.

É graças a engenharia estrutural que é possível determinar o material e a geometria dos elementos estruturais necessários para que um arranha-céu possa suportar um terremoto, um armazém suportar uma ventania, um ponte suportar o tráfego, etc. É onde se equilibra a arquitetura, função prática e os limites orçamentários do empreendimento para a realização do projeto.

 

Leia também: Estacas de Fundação: Entenda como esses elementos funcionam

 

Se você chegou até aqui não deve ter mais dúvidas da importância de investir em um projeto estrutural, garantindo mais segurança para sua construção e para os trabalhadores. Compartilhe essas informações com seus amigos e veja outras dicas de construção civil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *