Como garantir eficiência hídrica aos canteiros de obras?

Fundações em terrenos com lençol freático, entenda como funciona
28 de agosto de 2020
Confiança da construção civil tem alta pelo quarto mês consecutivo
30 de setembro de 2020

Como garantir eficiência hídrica aos canteiros de obras?

O canteiro de obras é um lugar onde circulam muitas pessoas. Profissionais de todas as áreas estão por ali o tempo todo e elas são organizadas pelos seus superiores, que devem planejar tudo da melhor maneira possível. Desse modo, um dos planejamentos deve voltado para ações de sustentabilidade e conscientização de todos. Principalmente quando se trata da eficiência hídrica da obra. A água é um recurso natural indispensável e, cada vez mais, devemos pensar em como poupá-la ao máximo e também como fazer o uso inteligente dela. Por isso a União Fundações vai falar sobre como garantir eficiência hídrica aos canteiros de obras?

Além de, obviamente, servir para a hidratação dos trabalhadores, a água tem outros papéis fundamentais durante a execução de um projeto de construção civil. Assim, o recurso hídrico é utilizado para a produção de concretos e argamassas, para curar concreto e também umedecer áreas que estejam com poeira alta. Também é fundamental para limpar ferramentas e ambientes e, além disso, para lavar áreas de convivência, como refeitórios, escritórios, banheiros, banheiros e utilizada para o banho dos trabalhadores. Além disso, com o efeito da pandemia do novo coronavírus, a preocupação com a limpeza em áreas que possuem circulação de pessoas aumentou muito. Por isso da importância de evitar o desperdício.

Atualmente o ser humano tem adquirido cada vez mais consciência de que a sustentabilidade é o caminho ideal para qualquer projeto. Além de ser financeiramente mais viável, a preocupação com o meio ambiente também prevalece, nesse sentido. Conforme pesquisa da US Green Building Council, a construção civil consome cerca de 21% da água tratada no planeta. Por isso é muito importante fazer esta redução e garantir eficiência hídrica do canteiro de obras.

Por isso, com algumas ações sustentáveis, acredita-se que seja possível reduzir em até 50% o consumo de água potável nos empreendimentos, tanto durante a execução do projeto, mas como também após a sua construção. Além destes pontos destacados, anteriormente, é fundamental ressaltar que muitos dos quesitos para garantir as certificações ambientais se pautam também pela gestão da eficiência hídrica. Um das etapas mais importantes é o planejamento de como funcionará o trabalho no canteiro de obras. Como falamos anteriormente, a conscientização é um processo que deve ser trabalhado com todos e, para facilitar este delineamento, medidores podem ser instalados em setores, aumentando também o controle.

Nesse sentido, também é uma forma de prevenir o desperdício de água garantir a qualidade das instalações do canteiro de obras. Mesmo que estas instalações sejam provisórias, é preciso que elas sejam montadas corretamente, para que tudo funcione de forma ordenada. Uma possibilidade é disponibilizar mão de obra exclusiva para realização de inspeções periódicas nas instalações provisórias na busca de possíveis vazamentos no canteiro de obra. Com vistorias e monitoramento do consumo já é possível ter uma boa ideia de quais pontos são mais críticos e devem receber tratamento especial para controlar estes problemas. Além disso, a União Fundações vai apresentar algumas técnicas para garantir a eficiência hídrica.

Técnicas para garantir eficiência hídrica

Coleta de água da chuva – O reaproveitamento da água da chuva é muito utilizado para canteiros de obras sustentáveis. A instalação de sistemas de água de reuso é cada vez mais comum e, mesmo que não seja possível instalar equipamento para fazer o tratamento, pode-se utilizar este recurso. Ou seja, a água não deve ser destinada para consumo e sim para redução de poeira e limpezas em geral, por exemplo.

Poço artesiano – O uso de poço artesiano é bastante comum em casas. Essa opção pode ser bastante econômica, no entanto, deve-se estar atento às exigências, como autorização prévia e também avaliação de possíveis impactos. Deve-se ficar atento a este recurso hídrico, pois conforme a qualidade da água, pode ocorrer interferência no processo da cura do concreto, por exemplo.

Controle e redução – Como falamos anteriormente, a instalação de medidores é uma forma de auxiliar na economia e redução do consumo. Nesse sentido, também é possível projetar para o canteiro de obras torneiras com redutores de vazão e a água da pia pode ser reutilizada nas descargas. Além disso, geralmente a parte administrativa do canteiro de obras possui ar condicionado e a água eliminada por eles pode ser redirecionada para uso não potável.

Treinamento – Garantir a eficiência hídrica deve ser um trabalho em conjunto com todos os trabalhadores presentes no canteiro de obras. Por isso, fazer treinamentos para conscientização contra o desperdício da água e também sobre como deve ser feito o gasto deste recurso no canteiro de obras é uma boa solução. Vale lembrar que o consumo médio de água de um operário varia entre 45 e 65 litros de água por dia, e isto deve ser pensado tanto nos treinamentos quanto nos planejamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *