Como evitar procedimentos que prejudiquem o meio ambiente

Inovações na construção: 5 tecnologias que estão fazendo diferença
30 de outubro de 2017

Como evitar procedimentos que prejudiquem o meio ambiente

É possível construir de maneira sustentável e para isso, selecionamos algumas dicas que podem amenizar os impactos à natureza antes, durante e depois da execução da obra.

Atualmente as pessoas estão cada vez mais preocupadas com o meio ambiente, muitos têm mudado diversos hábitos do dia a dia que podem contribuir para um mundo melhor. Na construção civil isso não é diferente, os consumidores estão dando mais atenção para os impactos causados na natureza e muitos tem dado prioridade a empreendimentos com iniciativas sustentáveis.

Pequenas mudanças durante a execução de uma obra podem fazer toda diferença no final do processo. Muito antes do ínicio da sua obra, você pode começar observando o ambiente que cerca o terreno escolhido, a sua comunidade e os recursos naturais que o entorno oferece. Qual será o impacto do seu empreendimento neste local? Garanta que a resposta será positiva para o meio ambiente e pode seguir em frente!  

Escolha materiais menos agressivos e mais duráveis. É muito importante ter um planejamento da geração de resíduos, como você poderá aproveitá-los ou como deve ser o descarte correto. Durante a definição do seu projeto você também poderá optar pelo uso de energia solar,  os vasos sanitários com redução de água, as lâmpadas de led, entre outros. O mercado oferece diversas opções que podem facilmente substituir os métodos tradicionais que têm um maior impacto na natureza.

Na fundação você deve escolher um método menos agressivo. O sistema por Hélice Contínua Monitorada, por exemplo, não utiliza a “lama bentonítica” como em outros métodos. Essa lama bentonítica pode causar a morte de animais e plantas que estão no ecossistema, devido a isso, evite contratar serviços que dependam do uso desse material.  

Durante a construção oriente a equipe a tomar medidas que evitem o desperdício de materiais, isso irá gerar além de ganhos ambientais, também econômicos. Ao concluir a obra dedique um pouco mais de tempo a manutenção e desmontagem e garanta que os resíduos sejam destinados da maneira correta.

Não é difícil né? Toda contribuição é positiva para o cenário da construção civil, considerado um dos principais responsáveis pelos impactos ambientais. Conforme o CBCS,  o setor da construção civil consome 75% dos recursos naturais, 20% da água das cidades e gera 80 milhões de toneladas/ano de resíduos. É muita responsabilidade para um setor só.

Os profissionais do ramo precisam se unir e estar atentos às novidades que surgem no mercado, constantemente novas tecnologias têm sido lançadas e elas priorizam o cuidado com a natureza. É possível fazer a diferença adotando medidas preventivas e aderindo à práticas sustentáveis. Pegue o papel e a caneta, coloque os custos no papel, você verá que a longo prazo algumas medidas podem trazer lucros em diversos aspectos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Precisa de ajuda?